HERÔ

logomarca

VOCÊ SABE O QUE É CLEAN BEAUTY?

Clean beauty – ou beleza limpa, na tradução literal para o português, está associado a uma série de bandeiras que vêm sendo levantadas pelas novas gerações, que defendem a beleza natural, o consumo consciente e o respeito à natureza, da produção até o descarte de itens cosméticos. A clean beauty se traduz em um estilo de vida que rejeita tudo o que é tóxico à saúde humana e ao planeta.

Como não existe uma definição legal ou oficial da beleza limpa, as marcas assumiram a responsabilidade pela interpretação do significado do conceito de acordo com suas próprias agendas – e, muitas vezes, faltam ferramentas e informações para que o público consumidor identifique quão limpo o produto é, para além do rótulo. 

Produtos livres de ingredientes tóxicos

Em primeiro lugar, a beleza limpa garante que você possa usar um produto sem arriscar a própria saúde. Isso quer dizer que as fórmulas dos seus cosméticos devem conter apenas ingredientes seguros e, de preferência, naturais.

Parabenos, ftalatos, sulfatos e fragrâncias sintéticas, que são exemplos de disruptores endócrinos muito comuns em itens de beleza, estão fora dessa lista. Essas substâncias químicas interferem no sistema hormonal, alterando a forma natural de comunicação do sistema endócrino e causando distúrbios na vida selvagem e na saúde humana. De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), há indícios de que a exposição aos disruptores endócrinos ao longo do tempo aumentam os riscos de desenvolvimento de diversas doenças autoimunes, cardiopulmonares, reprodutivas, endócrinas e cerebrais, como cânceres, infecções, infertilidade, diabetes, Parkinson e infarto.

Rótulos transparentes

Quando uma marca de beleza se esforça para listar todos os ingredientes e rotular adequadamente seus produtos, ela está no caminho correto para seguir o movimento pela beleza limpa. Mas nem todas as marcas são transparentes.

Outro exemplo de rótulos não transparentes é enganar o consumidor com base na embalagem. As marcas podem rotular falsamente seus produtos com clichês como “natural” e “ecológico” para chamar a atenção do consumidor consciente. Esse fenômeno é chamado de greenwashing e consiste em “surfar na onda” do interesse do público por produtos ecologicamente corretos sem, necessariamente, praticar o que prega.

FAÇA PARTE DA COMUNIDADE
HERÔ
Receba todas as novidades e lançamentos em primeira mão e ganhe 10% de desconto na sua primeira compra.

* campos obrigatórios